Inter SM a dois passos do Paraíso

Como já diz a música da banda Blitz ” Estou a dois passos do paraíso.  Não sei se vou voltar. Estou a dois passos do paraíso. Talvez eu fique, eu fique por lá. Estou a dois passos do paraíso”. Dois passos que podem significar muito, dois passos que podem levar ao Paraíso, ao ápice de uma conquista, ao lugar mais alto, mais desejado.  A dois passos do céu está o Internacional de Santa Maria,  que a muito tempo esteve  a dois passos do inferno. O Inter SM está a dois jogos de conquistar a vaga para a Elite do Futebol Gaucho.

Há quem não acreditasse, lá no dia 11 de janeiro, que uma equipe formada por jovens  jogadores, vindos de diferentes lugares do Brasil, que nunca tinham jogado uma Divisão de Acesso fosse chegar tão longe. Há quem não confiasse no trabalho de um treinador que  fugia às regras, que trouxe um novo modelo de jogo, que gostava de bola  no chão, passe, e posse de bola. Há quem ainda achasse que o Inter SM ia novamente lutar para não cair.  Há quem achasse tudo isso, e hoje, ahhhhh hoje é tudo bem diferente.

Aquele manto vermelho e branco que estava guardado no armário a muito tempo, hoje está exposto, está vestido e está desfilando pelas ruas de Santa Maria. O Lugar no Estádio que permaneceu vazio por muito tempo, hoje está repleto de torcedores, que se amontoam para buscar a melhor posição.  O Estádio Presidente Vargas ganhou cores, vozes, e alegria. O Vermelho e Branco tomou conta, os domingos não foram mais os mesmos, o que antes, tirava o Estádio presidente Vargas da rota, hoje, todos os caminhos levam a ele.

Dois jogos, isso mesmo, dois jogos para repetir o feito de 2007. Dois jogos para que o grito que está entalado na gargante a uma década seja solto aos quatro ventos.  Dois jogos para mostrar o que é ser Inter SM, o que é acreditar em um trabalho. Dois jogos para estar no lugar onde nunca devia ter saído.

O “Vamo vamo Inter”; o “Vamo Subir Inter”  está  próximo, e  o grito já ecoa pela Baixada, pela cidade de Santa Maria que estava merecendo uma alegria, que estava merecendo novamente ter esperança de conquistas, de vitórias. Uma Santa Maria que clama por alegria, cores, amores e emoção. O Inter SM está resgatando tudo isso, e dizer que, ter chegado até onde chegou não é uma Vitória, seria até mesmo uma ignorância, mas gente, se chegou atá aqui, poxa vida, dá pra chegar ainda mais longe, dá para chegar no objetivo final, dá para chegar ao Paraíso.

Eu acredito,  os alvirrubros acreditam, Santa Maria acredita. Uma década de espera, uma década para soltar o grito, para reviver aquele momento, uma década para que as lágrimas de alegrias sejam enxutas pela camisa vermelha e branca, uma década para invadir o gramado, se atirar na lama; Uma década para a fala se perca em meio ao choro, a alegria e a emoção.

A Baixada Melancólica está prestes a virar a Baixada da Alegria, das coquistas, das lutas, dos desafios e da Vitória. Dois passos, dois jogos, dois momentos. Coração que pulsa, o nervosismo que bate, a ansiedade por começar de  uma vez, afinal, quem acredita sabe, quem acompanha sabe, e quem AMA sabe. A hora está chegando, o vermelho e branco vai tomar conta da cidade, o Grito de gol vai ecoar pelos quatro cantos, a Baixada vai lotar, o primeiro passo será dado. Depois, confia, aguenta o coração e torce, pois o Inter SM está a dois passos do Paraíso,a dois passos de ter a força da camisa reconhecida,  o Inter SM está a dois passos da Série A do Campeonato Gaucho.

 

FOTO CAPA: Assessoria Inter SM

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s